Em 2004, no ateliê de Sergio Fingermann, aconteceram os primeiros encontros para discutir sobre arte contemporânea. Na série chamada “O que faz arte?” organizada em cinco encontros, foram realizadas conversas entre  Sergio Fingermann e os artistas plásticos Luiz Paulo Baravelli, Renina Katz, Evandro Carlos Jardim, o escritor Milton Hatoum e o diretor de teatro Marcelo Lazzaratto.